Follow:
    Dicas

    5 plantas que podem intoxicar seu Pug e você não sabia

    5 plantas que podem intoxicar seu Pug

    Olá Amigo Pug.

    Muitos dos donos de pets, possuem em casa pelo menos uma plantinha. Mas muitas dessas plantas podem potencialmente intoxicar seu Pug. Gatos por exemplo, ingerem menos plantas que cães, mas ambos sempre procuram na natureza a cura de algum mal que estão sofrendo, pura curiosidade mesmo ou porque gostam do gosto, muitas plantas são cheirosas e saborosas. Acho que é o caso dos Pugs. Eles adoram comer coisas que não devem!

    Os filhotes como são mais curiosos costumam comer as plantas, muitas vezes por estarem sozinhos ou por estarem trocando os dentinhos. O problema é que muitas das plantas que temos em casa, podem causar engasgos, dar alergia, causar ferimentos estomacais ou mesmo intoxicar seu Pug.

    Evite deixar plantas, sendo tóxicas ou não, em locais que seus pets possam alcançar. Assim você evita problemas. Caso perceba que sua planta foi ingerida, não perca tempo buscando soluções pela internet. Leve-o imediatamente ao veterinário, se possível com a planta. Assim o veterinário vai saber qual providências tomar.

    Muitas pessoas tentar provocar vômito ou dão leite à seus animais. Não faça isso, pois o vômito pode ser aspirado e ir parar no pulmão e seu Pug desenvolver uma pneumonia, e agravar ainda mais o quadro dele. Leite não é antídoto para venenos.

    Veja abaixo as 5 plantas que podem intoxicar seu Pug

    1. Comigo-ninguém-pode essa é a mais conhecida da plantas tóxicas. A planta toda tem toxidade, desde a raiz até as folhas. Sintomas: dificuldade de respirar em engolir, irritação oral e nos olhos. Podem ocorrer alteração neurológica e renal.
    2. Espada de São Jorge – uma planta que muita gente tem em casa. Ela também é tóxica por inteiro. Sintomas: dificuldades em se mexer e respirar. Salivação em excesso.
    3. Lírio: esta planta irrita o nariz, olhos e boca. E é tóxica por completa. Sintomas: irritação nas mucosas, como coceira, dificuldade de respiração e deglutição.
    4. Azaleia – uma planta linda e colorida, mas pode ser muito perigosa. Sintomas: vômito, diarreia e convulsões.
    5. Copo de leite – a planta toda também é tóxica. Sintomas: irrita os olhos, nariz e boca. Pode causar vômitos, diarreia e paralisia da língua.

    Outras plantas que podem intoxicar seu Pug

    • Bico-de-papagaio
    • Manacá
    • Palmeira-sagu
    • Tomate verde
    • Maconha
    • Urtiga
    • Mamona
    • Violeta

    Lembre-se em caso de envenenamento o tempo é muito importante. Quando mais rápido você socorrer seu pet mais chances ele tem de sobreviver.

    Aqui em casa, eu tenho 1 planta, são suculentas e ficam dentro de um vidro, bem longe dos meus pequenos. Tento tomar muito cuidado com isso!

     

    Você vai gostar de ler também: O que fazer em caso de envenenamento do seu Pug

     

    Você tem plantas na sua casa? Já aconteceu algum acidente? Conte-nos aqui nos comentários.

    Compartilhe com outras pessoas que não sabem dessas plantas tóxicas e tem pet em casa. Clique no botão SHARE azul aqui em baixo.

    Um super beijo da Fran e lambeijos do Jotapeg e da Nutella.

     

    Você também vai gostar de:

    Dicas

    O que fazer em caso de envenenamento do seu Pug

    O que fazer em caso de envenenamento

    Olá Amigo Pug,

    Esta semana estava em um dos grupos sobre Pugs no Facebook e li uma postagem de uma pessoa, que relatou o caso de envenenamento do seu Pug. Uma pessoa jogou dentro de sua casa um pedaço de carne com chumbinho e sua pequena Pug havia comido. Fiquei muito triste com isso. Até onde vai a maldade do ser humano.

    Pensando nisso tudo resolvi escrever esse post para caso ocorra algo desse tipo com seu Pug você saiba o que fazer.

    Muitas vezes esse caso de envenenamento pode ocorrer por consumo de produtos de limpeza, inseticidas e remédios em nossa própria casa. Plantas, adubos, pesticidas também podem ser tóxicos.

    Os filhotes são mais curiosos, e devemos ter cuidados redobrados com eles.

    Em passeios na ruas, praças e parques, também podem haver pessoas mal intencionadas que podem deixar comida envenenada. Por isso fique atente-se a tudo.

    Se seu Pug está vomitando, salivando muito, inchando ou inchado, boca vermelha, diarreia, secreções, tremores e até mesmo convulsões, pode ser que ele tenha sido envenenado.

    Cães que são brincalhões e ficam do nada quietinhos, só querendo colo. Ou alguma mudança brusca de comportamento,  pode ser que há alguma coisa errada.

    O que fazer no caso de envenenamento?

    1. Procure rapidamente pela casa, caminha, casinha, jardim e quintal ou onde você estiver, se há algum vestígio. Verifique a boca do seu pet, se há restos ou vestígios do que ele possa ter ingerido. Cuidado pois o animal pode estar sentindo dor e tentar lhe morder.
    2. Não provoque vômitos, pois ele pode aspirar os líquidos e parar diretamente no pulmão, causando pneumonia e agravando mais ainda a situação.
    3. Não fique procurando medidas caseiras, vá logo ao veterinário, se possível com o que ele ingeriu para um melhor tratamento.
    4. Não dê leite, pois não há comprovação científica que ele é antídoto para venenos.
    5. Mantenha o animal em jejum e sem beber água.
    6. Pegue ele no colo, vá falando palavras de carinho durante o trajeto até o veterinário.

    Como prevenir caso de envenenamento?

    1. Mantenha produtos de limpeza, remédios, venenos, fora do alcance dos pequenos.
    2. Utilize produtos como antipulgas e carrapatos conforme o que diz a embalagem.
    3. Cuidado com seu lixo, ele pode ter produtos tóxicos. E seu Pug ter acesso e comer.
    4. Descarte de forma correta remédios, de forma que seu peludo não pegue.
    5. Adestrar é uma boa forma de evitar que seu Pug sai comendo tudo que vir pela frente.

    Se ocorrer um caso de envenenamento doloso, ou seja, alguém de propósito quis envenenar o pet, peça um laudo ao seu veterinário, registre um Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia e DENUNCIE. Pois isso é CRIME. E a pessoa que fez isso deve ser punida.

    E lembre-se vá o mais rápido possível ao veterinário, pois cedo seu pet for socorrido mais chances dele sobreviver.

     

    Você vai gostar de ler também: Plano de saúde pet. Será que vale a pena?

     

    Vou te dar uma dica muito valiosa, se você tem medo do seu Pug ser envenenado na rua, por alguém que que não gosta de animais. É muito simples, adestre você mesmo seu pet, assim ele não vai sair comendo tudo que vir na frente e vocês vão poder passear assossegados. O Programa Feliz pra Cachorro pode te ajudar. Com dicas simples e eficazes. Dá uma olhada clicando AQUI.

     

    Você tem medo do seu Pug ser envenenado? Conte aqui nos comentários.

    Compartilhe com outras pessoas que não sabem o que fazer em caso de envenenamento. Clique no botão SHARE azul aqui em baixo.

    Um super beijo da Fran e lambeijos do Jotapeg e da Nutella.

     

    Você também vai gostar de:

    Dicas

    Precisa deixar seu Pug sozinho em casa? Leia essas 7 dicas

    Pug sozinho em casa

    Olá Amigo Pug.

    Acho que esse é a tarefa mais difícil que temos. Deixar nosso Pug sozinho em casa para ir trabalhar!

    Quando comprei o Jotapeg trabalhava na rua da minha casa, então eu dava comida pra ele, e saia, sem me despedir, aí ao meio dia eu estava lá de volta e depois as 19 horas eu voltava. Ele sempre sabia que logo eu iria voltar e não foi estressante e nem traumatizante deixar meu Pug sozinho em casa por muitas horas. De manhã sempre saíamos para passear (depois das vacinas liberadas) e no fim do dia também. Na hora do almoço sempre a gente brincava de pegar bolinha e ele ficava cansado e dormia bastante. Depois que ele cresceu fui trabalhar mais longe e ele ficou numa boa. Sei disso porque perguntei aos vizinhos!

    Com a Nutella foi um pouco diferente, porque ela é mais velha e não veio filhote para mim.  Eu continuo trabalhando cedo e voltando a noite, mas meu marido trabalha apenas meio período, então eles ficam pouco tempo sozinhos e na companhia um do outro. Eles se adoram e brincam bastante juntos.

    Pensando nisso, pesquisando um pouco sobre o assunto, reuni algumas dicas para te ajudar a passar dessa fase de forma mais tranquila.

    Dicas:

    1. Exercícios de manhã: reserve um horário da sua manhã, todos os dias para dar aquele passeio com seu Pug. Isso vai deixa-lo mais calmo e cansado.
    2. Deixe objetos com seu cheiro: uma camiseta ou pijama usado sempre ajuda. Ele vai ficar com seu cheirinho pertinho dele e se sentirá seguro. Colocar também um ursinho ou algum brinquedo que ele possa se aconchegar e dormir perto, ajuda nesse período, longe de você.
    3. Use o brinquedo favorito: sabe aquele brinquedo que ele mais ama, só dê a ele quando for sair, quando você estiver junto guarde! Parece estranho né, mas ele vai se distrair por mais tempo com o brinquedo e nem vai perceber que você saiu. E também vai associar a sua saída a uma coisa boa, que é brincar com que ele mais gosta.
    4. Não se despeça: quando for sair, simplesmente sai. Sem dizer tchau, sem dar uma espiadinha! Parece cruel mas ele vai entender mais fácil assim.
    5. Limite espaço: se ele for filhote deixe um cantinho reservado para seu Pug, onde tenha água fresca disponível, fraldinha limpa ou jornal, sua caminha e brinquedos que ele possa morder para distração. Quando você estiver pode liberar a casa toda. Isso é necessário, pois ele ainda não sabe onde fazer xixi e cocô no lugar certo. Saiba os 3 erros ao ensinar seu Pug fazer xixi no lugar.
    6. Espere para dar atenção na volta: quando chegar em casa não faça “festinha” na hora. Entre, e vá fazer suas coisas, e depois que seu Pug se acalmar, dê atenção. Não se sinta mal, é o melhor a fazer.
    7. Talvez você deva pensar em Dog Walker, Pet Sitter, adestrador ou Creche: muitas vezes as dicas acima podem não funcionar, pois seu peludo pode estar sofrendo com ansiedade de separação, e o melhor a fazer é contratar um profissional para melhorar isso.

    Com essas dicas, seu Pug vai se sentir mais tranquilo e seguro enquanto você está fora!

     

    Procurando referências para este post, encontrei no site Tudo Sobre Cachorros, um artigo sobre Síndrome de Ansiedade de Separação, onde existe uma série de comportamentos manifestados pelos cães quando deixados sozinhos. Vale a pena dar uma olhada.

     

    Você vai gostar de ler também: Pug ciumento – De onde vem esse ciúmes?

     

    Outra dica que eu dou é o Programa Feliz pra Cachorro da veterinária Rita Ericson, que com dicas simples e fáceis vai te ajudar com a ANSIEDADE DE SEPARAÇÃO, parar de comer seus móveis, e outros problemas. Tudo online! Para saber mais clique AQUI.

     

    Você tem problemas em deixar seu Pug sozinho em casa? Conte aqui nos comentários.

    Compartilhe com outras pessoas que precisam deixar seus pets sozinhos em casa. Clique no botão SHARE azul aqui em baixo.

    Um super beijo da Fran e lambeijos do Jotapeg e da Nutella.

    Você também vai gostar de:

    Resenhas

    Resenha: Chegou sua VIPET BOX

    VipetBox

    Olá Amigo Pug.

    Há um tempinho recebemos uma caixa em nossa casa, recheada de produtos muito legais para a a Nutella e o Jotapeg, era a VIPET BOX. Antes de eu abrir a caixa, os dois já estavam curiosos querendo saber o que tinha dentro! E adoraram tudo, na hora já comeram o biscoito.

    Vou contar pra vocês o que veio dentro:

    • Suco

    • Bolinha para humanos tirarem selfie dos seus pugs

    • Brinquedo de Pelúcia

    • Petiscos naturais

    • Lacinho pra Nutella

    • Muitas bolinhas coloridas, que o Jotapeg ama

    O suco eu congelei uma parte e outra eu dei líquido, é uma ótima maneira de melhorar o calor dos nossos pequenos, e incentivar aqueles que não bebem muita água. A bolinha funciona mesmo os pugs ficam olhando pro celular, muito legal, faz até barulhinho pra chamar a atenção deles. A pelúcia também tem som, mas não aqueles chatos, que infernizam sua vida, é bem tranquilo. Os petiscos eles amaram. O lacinho ainda não coloquei na Nutella, mas é muito fofo. E as bolinhas que tem dentro, toda vez que mexo nelas, o Jotapeg fica louco! Adoramos tudo. Produtos de excelente qualidade.

    Resenha VipetBox

    Não é super legal? E quando você assina cada mês vem produtos diferentes surpresa. Achei um máximo!

     

    A VIPET BOX é um clube de assinatura de produtos para cães e gatos. Os papais e mamães assinam e recebem mensalmente uma caixa personalizada, de acordo com o perfil do seu Pug ou outro pet. As caixas sempre terão de 5 a 7 ítens, com petisco, higiene, acessório, brinquedo e novidades, além disso a box vai recheada de bolinhas coloridas (eles amam) e alguns cupons com descontos em parceiros pet. Outra coisa que achei muito legal, foi que uma porcentagem do faturamento é revertido para ONG Sempre Cabe Mais um.

     

    Vou deixar aqui os links da VIPET BOX pra vocês que quiserem conhecer melhor. Seu pet merece.

    FACEBOOK: https://www.facebook.com/vipetbox

    INSTAGRAM: https://www.instagram.com/vipetbox

    SITE: http://www.vipetbox.com.br/

     

    Dá uma olhada no nosso vídeo!

     

    Você também vai gostar de ler: Espirro reverso o que é isso?

     

    Espero que tenha gostado dessa resenha! Conta pra gente.

    Compartilhe com outras pessoas que gostam de animais. Clique no botão SHARE azul aqui em baixo.

    Um grande beijo da Fran e lambeijos do Jotapeg e da Nutella.

     

    Salvar

    Salvar

    Salvar

    Salvar

    Salvar

    Salvar

    Salvar

    Você também vai gostar de: